Não vão nos matar agora

Jota Mombaça

A publicação “Jota Mombaça: Não vão nos matar agora” reúne a primeira antologia de textos de Jota Mombaça, concluída após o projeto “Ocupação Jota Mombaça”, com a curadoria de Sara Antónia Matos e Pedro Faro, na Galeria Avenida da Índia, entre 27 e 30 de setembro de 2018.

“Como parte da infraestrutura do mundo como conhecemos, que é a infraestrutura da vida branca e cisgênera ela mesma, sistemas de arte não são separados dos dispositivos sociais que reproduzem a situação crítica das gentes desobedientes de gênero e dissidentes sexuais negras e racializadas. Ao contrário, eles estão situados numa posição privilegiada, desde a qual é possível determinar (parcialmente, ao menos) os limites do que é pensável e imaginável num certo enquadramento de tempo. A emergência historicamente disruptiva de discursos, práticas e demandas antirracistas, queer/cuir, feministas e descoloniais a partir dos anos 60, definitivamente, mudou o horizonte representacional em relação ao qual as políticas da visibilidade se definem. Ainda assim, não é seguro ler esse processo como sendo linear ou transparente, especialmente se considerarmos a elasticidade do capitalismo racial (isto é, habilidade em reconfigurar os modos de apropriação do trabalho negro contra a negritude), a omnipresença de formas racializadas e genderizadas de aniquilação, e as contradições internas às formas de distribuição da violência como elementos constitutivos desse processo.”
– Jota Mombaça

Exposição Relacionada

Data
Título
Artistas
Curadoria
Galeria
27.09.2018
– 30.09.2018
OCUPAÇÃO: Arquivo: MUNDO = FERIDA
Jota Mombaça
Galeria Avenida da Índia